Desconstrução e Arte Seguir o Blog!
24/07/2017. HELIO RODRIGUES
Processo de desconstrução com Stela (5 anos)
A desconstrução é uma ação ou pensamento que fragmenta afirmativas, conclusões e crenças sem fundamento. Ela pode ou não levar à construção de uma nova ordem. Já a reconstrução seria a tentativa de retomada de antigos valores. No caso da arte, não acredito em processos ditos reconstrutores. Eles só cabem aos restauradores. A arte não restaura; ela pode construir, desconstruir ou transformar. Pensando agora na arte-educação, uma boa motivação para se fazer uso de propostas artísticas com propósitos desconstrutores, são os preconceitos. O preconceito costuma ser construído a partir de afirmativas criadas para atender aos processos de resistência que vão sendo instalados num indivíduo. Um preconceituoso reage às transformações porque, para ele, elas fragilizam suas defesas. Para se lidar com uma ocorrência como essa, dentro do ambiente educacional, é bom lembrar que discursos dificilmente modificam verdadeiramente as opiniões do preconceituoso; talvez eles apenas controlem. No entanto, ações que produzem ganhos podem promover mudanças bem significativas. As ações artísticas são um exemplo de bons resultados. Elas são a prática em si e, por serem artísticas, se desenvolvem no ambiente da subjetividade e esse ambiente naturalmente instiga à reflexão. Ora, toda reflexão está relacionada à mudanças. Sobre os ganhos que mencionei acima, nos ambientes artísticos eles ocorrem também a partir dos processos de desconstrução. Por exemplo: na arte as fragmentações e as quebras, sejam a partir de ações propositais ou simples ocorrências, podem muitas vezes multiplicar possibilidades de ver e interpretar algo. Sendo que, quando elas são apontadas pelo educador, mais facilmente podem se tornar conquistas do aluno. Há nessa experiência um ganho de autoestima que foi proporcionado por uma interrupção, no caso representada pela quebra, pela fragmentação, pela desconstrução de algo que até então se afirmava pronto. Sugestões de propostas desconstrutoras podem ser encontradas no App Arte Conecta.
Tags: arte-educação, desconstrução, transformação




Leia também: A ARTE ENTRE NÓS


powered by eLearning fit